Sugira, critique, participe, contribua, toque uma, apareça!

mulheresqbebem@gmail.com

4 de nov de 2010

Campanha "Gostosa Forever". Entre nessa corrente!


Ouvi ontem de um amigo: "a coisa mais triste da vida é ver uma mulher embuchar". O comentário não foi aleatório. Nos últimos dias em que estivemos juntos, comi feito uma draga. Sua frase de efeito a là Nelson Rodrigues foi como um leve tapa com luva de pelica. Mas desde então, comecei a analisar melhor a oração. E não é que é verdade?

Minhas últimas experiências comprovam que ter cérebro não vale de nada; isso quando - pasmem - se torna um mal negócio. Mulher inteligente, culta e interessante demais é mal-vista em círculos onde reinam a ignorância e mediocridade. Mais vale uma bunda e um bom par de peitos. A beleza atrai mais amigos que um bom-papo. É estatística. Procure nas redes sociais. As mais belas são as mais populares. Aprendemos isso desde pequenas, nos infindáveis blockbusters americanos da Sessão da Tarde.

O cenário é sempre o mesmo: o High School, ou Ensino Médio, cá pra nós. A líder de torcida sexy arrasa corações e humilha a nerd-sardenta-de-aparelho-e-óculos, isso quando a boazuda não é a melhor amiga dela, porque afinal de contas desgraça pouca é bobagem! A pobre da CDF passa o filme todo em crise, é a melhor aluna da escola, os professores a adoram, mas... Ela é feia que nem o capeta! E aí, aí meus caros leitores, é que entra a lição de nossas vidas: ela passa por uma mega transformação, um verdadeiro Extreme Makeover fashion. Fica linda, chega no baile arrasando e conquista, enfim, o cara dos seus sonhos (geralmente o capitão do time de futebol ou beisebol, tanto faz!), afinal nossa existência se resume a isso, não é?! Andar atrás do príncipe encantado!

Qual a conclusão que chegamos? Só uma, lógico: pra que, pra que, meu Deus, ler Doistoiévski, Clarice, Leminsky? Falar de artes, teatro, cinema, música? Pra que? Nada disso vai valer a pena se teu traseiro não estiver em pé, com algumas celulites, vá lá, mas arrebitado E com marquinha de biquíni.

Assim, tomei uma decisão sábia e importante: vou vender meus livros, poupar a grana do Odeon e das peças que ia ver e leiloar meu notebook. Vou pegar a grana, fazer uma lipo, comprar um moderador de apetite e um belo fio-dental. A partir de agora, dou expediente na praia. Quem sabe até arrumo um marido rico?

Como disse outro amado amigo meu: em terra de medíocres, quem tem cérebro é inútil.

6 comentários:

  1. tá foda, tbm to repansando isso..

    ResponderExcluir
  2. Por isso q eu sou fã de Shrek. A animação deu uma reviravolta nessa ideia toda. O pior foi ouvir um monte de gente falando, na primeira vez q assisti: oq? mas ela deveria virar princesa e ele deixar de ser ogro!
    Cara, essa verdade dói demais. Enquanto para homem "se preocupar com barriga sarada depois dos 30 é viadice" (acrediteM, já ouvi muito tais declarações), "mulher que se permite uma única dobrinha sequer na região abdominal EM QQ IDADE deveria aprender a se cuidar". EU NÃO AGUENTO, EU NÃO AGUENTOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO

    ResponderExcluir
  3. Mulheres inteligentes e posicionadas, atraem sim.
    Não vamos dizer que uma aparência física razoável, sem neuroses, seja interessante.
    Mas, uma BB(bonita e burra)serve para caras que a mente não vale muita coisa, que estão a fim de um amor fast-food.
    Podem ter dobrinhas, podem ter celulite, podem ter cabelos cacheados, a porção interior é o que, ainda, faz uma relação durar alguns anos a mais do prazo de validade...(rs)

    Beijão.

    Ricardo Mainieri

    ResponderExcluir
  4. Discordo!!!! Mulher tem q ser completa! A famosa BGI 2.0, 3.0 ou até mesmo 4.0!!! bonita, gostosa e inteligente... rsssss.... abçs do Sr. Blindex!!!

    ResponderExcluir
  5. Cara, vc raaaaaaaaaaaaaaaaaaaaacha a minha cara de vergonhaaaaaaaaaaaaaaaaaaa

    ResponderExcluir
  6. Amiiiiiiga.... finalmente vc se deu conta... esse é o primeiro passo para a transformação:
    Eu era a CDF, nerd e baranga da escola, zoada pelos meninos por ser FEIA. Isso mesmo. Hoje eu sou a CDF, nerd, interessante, gata E gostosa (malhadora, indeed) de todos os meus círculos sociais. E também pegadora. E nem um pouco modesta. A vingança veio a cavalo e eu não precisei parar de ler, estudar ou pensar para isso, muito pelo contrário.

    Mens sana, corpore sano, minha cara. Cuide da sua mente e do seu corpasso e pise no cérebro e nos corações de todos os medíocres que algum dia fizeram vc temer a sua própria inteligência.

    ResponderExcluir

Áhh, que fofo você comentar!!!