Sugira, critique, participe, contribua, toque uma, apareça!

mulheresqbebem@gmail.com

17 de jul de 2010

ontem

sozinha por natureza
e fado enfadado
chorei tanto, mas tanto...
queimei as reservas
de esperança
solucei meus desgostos
presos na minha garganta,
enquanto a água salgada
cegava meus os olhos,
senti pena de mim
desistida no chão
do banheiro sujo da casa,
único lugar que me acolhe


*inspirado em mim e na canção "bastidores" do chico, interpretada pela tia cauby

6 comentários:

  1. Agora vc resolveu dar uma de pina coladinha e fazer a linha depressiva???
    ps:lindo!

    ResponderExcluir
  2. ahahaha
    posso ser vc um pouquinho piña?
    vai me fazer muito bem!

    ResponderExcluir
  3. Minha mãe chamava ele de Caubycha...
    Em momentos mais etílicos já imitei o Cauby cantando Bastidores diante de uma futura sogra.
    Pior é que ela gostou!!!
    Mas que o cara é exagerado, nem o falecido Cazuza discutiria...
    Para tornar mais deprê tua estória eu te sugeriria dizer que te sentias como um pano de chão usado. Seria um tanto kistch, mas teria um efeito devastador. Haja fluoxetina...

    Beijão.

    Ricardo Mainieri

    ResponderExcluir
  4. ahahaha, não imagino vc cantando caubi não... rs
    mas surpresas são bem vindas

    bjs!

    ResponderExcluir
  5. Quem nunca cantou essa música no camarim com um copo de gim? Eu já, várias vezes. Fazendo a linha "o show tem que continuar". Hahahha. Agora tô rindo mas e sério, pior que é. PQP!


    Quanto ao poema é lindo, emocionou-me. Lindo, deprê-glamour.

    Amo!

    O Chico Buarque é um gênio. Sabia que ele fez essa música porque o Cauby queria uma música dele pra gravar? Daí ele ficava imaginando que música dele caberia no Cauby? Nenhuma.. Então ele fez uma especialmente para ele. Foda, é A música do/para Cauby, que já declarou que tem colado nele o espírito de uma cantora maravilhosa-glamourosa, que foi alguma coisa dele em ontra encarnação! Ui!

    ResponderExcluir
  6. gente, não sabia!

    q honra pra tia cauby!

    ResponderExcluir

Áhh, que fofo você comentar!!!