Sugira, critique, participe, contribua, toque uma, apareça!

mulheresqbebem@gmail.com

17 de mar de 2010

Uma coca e dois copos, por favor.

Eu acredito em almas gêmeas. Mais do que isso, acredito que, durante a vida, as pessoas encontram diversas “almas gêmeas” pelo seu caminho. A Alma Gêmea não precisa, necessariamente, ser um amor. Geralmente amores são sofridos, trágicos. A Alma Gêmea nos completa, nos conforta porque encontramos paz no nosso igual.

Quando você encontra uma Alma Gêmea, todo mundo percebe. Todo mundo nota uma conexão, uma cumplicidade, mesmo que muitas vezes sua alma gêmea não seja tão gêmea assim. Ela pode ter gostos totalmente diferentes do seu. Ela pode ser roqueira, e você não perder uma roda de samba. Ela pode ser cristã, e você do Candomblé (eu já vi acontecer!). Ela pode morar em frente à praia, e você, na cara da favela.

Não importa. Quando duas almas se encontram, está feito. E não adianta. Não vão conseguir viver em paz sem a outra. A Alma Gêmea divide os mesmos pensamentos. Não são precisos diálogos intermináveis. Um olhar basta. Para demonstrar felicidade, tristeza, dividir um segredo ou só para fazer uma crítica a alguém que esteja por perto.

Sorte daqueles que encontram ainda jovens a sua Alma Gêmea. Ou as suas. Não precisam temer a solidão. Estarão sempre acompanhados, mesmo que pelo coração, a uma amizade que não tem preço. Não tem distância, não tem discussão, não tem quem dissolva.

Talvez se leve tempo para consolidar uma amizade. Mas com a Alma Gêmea não existe isso. Vagavam por aí até se acharem. Pode ser um relance, um segundo, apenas um papo. Mas quando acontece é imediato. Você sabe na hora. E não vai querer desperdiçar a chance que aparece de, finalmente, se encontrar.

Triste daqueles que não acreditam em almas gêmeas. Com os olhos e o coração fechados, nunca estarão abertos ao encontro. Encontro que muda a vida, a rotina. Você se torna responsável também pela sua Alma Gêmea. Vai sentir suas dores, escutar suas lamúrias, dividir os pesares. Mas também vão chorar de alegria juntos. Comemorar as etapas da vida vencidas a dois, ou a duas. Rir do cotidiano e das coisas simples da vida. Um simples passeio de bicicleta na orla vira o momento da sua vida. Ou um papo revelador no portão. Porque você achou sua Alma Gêmea. E ela vai estar ali para sempre.

2 comentários:

  1. Acho que eu sou a alma gêmea desse texto, hein? rs... Adorei!!!! Vc sabe q nunca vai sair da minha vida. Nao vou deixar de jeito nenhum! Amo demais essa minha Maria MulambA tao diferente de mim, mas essencial na minha vida para q ela seja mais feliz! kkkkk... Beijocas

    ResponderExcluir
  2. Ah... eu mudaria o título! Seria:

    "Oi!!! (clássico) Uma coca e dois copos, por favor!"

    ResponderExcluir

Áhh, que fofo você comentar!!!